ImperiaLista | 10 filmes para você assistir no Natal

Especial Roberto Carlos na Globo que nada, o negócio é entrar no clima.

13 dez 2017

O mês de Dezembro chegou e com ele vem uma enxurrada de coisas pra fazer. Montar árvore, comprar presentes, decorar a casa, comer rabanada e pasteizinhos. Viciada em filmes que sou, separei alguns títulos pra você que assim como eu, não suporta mais assistir o show de fim de ano do Roberto Carlos. Junta a família e let it go.

Lembrando que todos os filmes que eu citar aqui estão disponíveis na Netflix, e que a ordem deles no post é completamente aleatória, não tem nada haver com favoritismo.

01. O Estranho Mundo de Jack

Lançado em 1993, esse filme está aqui pra mostrar que nem toda história de Natal é bonitinha. Jack é um rapaz que vive em uma cidade de Halloween junto com outras criaturas macabras e muitos seres estranhos. Um dia Jack se depara com uma árvore de Natal na floresta e fica admirado, ele resolve contar para os seus amigos que desconhecem completamente o sentido do Natal. Jack tenta explicar o sentido da comemoração para seus amigos e dá uma tarefa para cada um. Eles sequestram o papai noel e na noite de Natal sai voando por todo o globo terrestre em um caixão como trenó e entrega presentes para todas as crianças. A verdade é que não importa de onde você venha, o importante é ter espírito natalino né? Mais um clássico de Tim Burton, nada fofo porém uma ótima opção pra quem quer sair dos clichês.

02. Operação Presente

Os tempos modernos chegaram pro Papai Noel e com isso, todo o espírito natalino foi embora. As crianças agora não passam de números e metas. Mas, e se uma única criança for esquecida pelo Papai Noel e a única salvação dela fosse o filho mais novo e estabanado do bom velhinho? É exatamente disso que esse filme se trata. Arthur embarcando em uma aventura envolvendo três gerações da sua família, enquanto uma tenta provar pra outra de que sua época é melhor, tudo pra mostrar que o espírito natalino é importante e que o mais válido é ver o sorriso de uma criança quando a magia do Natal acontece.

03. A Origem dos Guardiões

É um filme que não fala especificamente sobre as tradições natalinas, mais sim de um filme que está ai pra conservar a inocência e as crenças das crianças. É um filme que conta a história de Jack Frost, um rapaz que foi tirado do fundo de um lago pela Lua apenas com um nome e um cajado. Jack é tem o poder de produzir neve, e ele nunca entendeu o porque as crianças nunca conseguiam vê-lo, até ele descobrir que era um Guardião.  Jack, junto com outros personagens bem conhecidos como o Coelho da Páscoa, Fada dos Dentes e claro, o Papai Noel, travam uma luta contra o vilão Breu (Pesadelo), que foi banido após sua ascensão no período das trevas. A mensagem que fica é que não importa os percalços do caminho, o mais importante é manter todas as tradições vivas na mente das crianças, pois são elas que dão força a todos os personagens.

04.  Meu Papai é Noel (1,2 e 3)

Scott é um executivo que está tentando fazer seu filho continuar acreditando na magia do Natal.  Na noite em que o bom velhinho vista a casa de Scott, ele o derruba do telhado acidentalmente e o mata. Para que o universo continue em perfeita harmonia, Scott precisa assumir o manto do Papai Noel.  Durante muito tempo ele não aceita seu novo emprego, achando que tudo isso é um sonho, mas a partir do momento em que ele o faz, o filme deslancha. O primeiro filme serve mais para termos um belo vislumbre do Pólo Norte e de como as coisas são mágicas por lá. Há também os dramas familiares, como a complexidade do relacionamento entre Scott e sua ex mulher. O segundo filme é bem mais interessante, já que se Scott não se casar, ele pode perder seus poderes de Papai Noel e pra piorar, seu filho está na lista dos malvados. Ser Noel não é fácil amigos, mas no final tudo dá certo. O terceiro filme é completamente desnecessário, o que diferencia é que a Sra Noel está grávida, a família dela não pode saber que Scott é o Noel e que Jack Frost quer se tornar o Papai Noel. Uma bagunça só, desnecessário comentar sobre.

05. Um Natal Muito, Muito Louco

Um casal comum resolve passar o Natal em cruzeiro no Caribe, o que eles não sabiam é que sua filha decidiu vir pra casa apresentar o futuro marido. Agora, com seus planos todos deixados de lado, eles precisam organizar uma festa de Natal às pressas para receber a filha.  Quem nunca quis fazer algo diferente? No feriado dessa família tudo dá errado, mas no final a gente entende que o importante é lembrar e cuidar da nossa família.

06. O Natal dos Coopers

Um filme que está ai pra nos lembrar de nem tudo é o que parece. O filme nos mostra que por mais que a vida de outra pessoa pareça melhor que a sua, todo mundo tem seus problemas, bobos ou não, mas que faz muita diferença. Atualmente nós temos uma estranha necessidade de ser feliz e principalmente de parecer feliz, o Facebook e o Instagram são prova disso. Cheio de momentos engraçados, quando entendemos o que se passa na cabeça deles é um alívio em toda a história, já que o filme todo possui um tom de desilusão e tristeza. Há momentos bonitos, diálogos muito bem escritos e, apesar de tudo, o filme representa muito bem o natal americano.

07. Menores Desacompanhados

O filme que está preso na sessão da tarde junto com A Lagoa Azul. Uma nevasca obriga o aeroporto a ser fechado bem na véspera do Natal estragando os planos de todos os passageiros. Entre eles estão os irmãos  Spencer e Katherine que viajaram sozinhos para passar o Natal com o pai. Eles acabam presos numa área especial para menores desacompanhados do próprio aeroporto e, cansado de ficar lá esperando, Spencer lidera uma equipe que conta com uma garota mimada chamada Grace, uma menina estranha chamada Donna, um gênio chamado Charlie e um fanático por quadrinhos chamado Timothy. Eles causam muitas confusões dentro do aeroporto simplesmente por estarem entediados e acabam dando um novo sentido ao natal de quem também está preso ali.

08.  O Príncipe de Natal

Uma jornalista que precisa de uma matéria arrasadora para dar uma guinada na sua carreira. Ela tem a impossível missão de encontrar algum podre sobre o futuro rei de Aldovia, o príncipe Richard. Como a coletiva que ela foi mandada pra cumprir foi cancelada, ela se inconforma e acaba se infiltrando no palácio como professora da irmã mais nova de Richard, a princesa Emily, uma menina que possui dificuldades para se locomover. Quanto mais Amber conhece o príncipe, mais ela se apaixona e se questiona sobre todos os seus pré-conceitos sobre ele.  Como mentira tem perna curta, alguém descobre que Amber é uma jornalista e descobre um segredo sobre o príncipe Richard e tudo vira uma bola de neve. Infelizmente a Netflix ainda não encontrou sua fórmula para filmes originais e, esse é mais uma daquelas comédias românticas clichês de Natal mas que vale a pena assistir.

09. O Príncipe e Eu

Jules é a guardiã legal de seus dois sobrinhos e faz de tudo para dar a eles um lar estável. Com a chegada do Natal, Jules é despedida de seu emprego em uma loja de antiguidades e recebe um estranho convite. O convite vem do avô das crianças, pai do marido de sua falecida irmã. A temática é bem simples  e parecida com a do filme anterior, só que Jules é apenas uma moça ingênua que se apaixona por um príncipe. Jules e seus sobrinhos conseguem trazer de volta ao palácio o clima de Natal que havia sido esquecido há tanto tempo pelo avô das crianças.

10. Um Herói de Brinquedo

De todos os filmes citados aqui, esse é o único que não está disponível na Netflix, infelizmente. Mas eu não poderia deixar de citar esse filme que eu adoro tanto. Howard é um pai ocupado e que nunca cumpre as promessas que faz ao filho Jamie. Cansado disso, ele diz que o menino pode pedir o que quiser de natal que ele fará o impossível para cumprir. Acontece que o garoto quer o brinquedo que é a sensação do momento e, como Howard está obstinado a cumprir a promessa que fez pro filho, ele vai até as ultimas consequências pra isso. Ele acaba entrando em uma corrida maluca contra um carteiro, que também está atrás do tal boneco. Confusões a parte, Howard acaba entrando fantasiado justamente de “Turbo Man” na parada de natal da cidade, fazendo assim a alegria de seu filho. O filme rende ótimas risadas, sem contar a atuação brilhante de Arnold Schwazenegger.

Espero que vocês gostem dos filmes que indiquei, são filmes para assistir com a família toda. Lembrando que todos estão disponíveis na Netflix, menos o filme citado a cima.

%d blogueiros gostam disto: